A força do exemplo

Um gesto vale mais do que mil palavras ou, faça o que eu digo, mas não faça o que eu faço? Fácil de responder.

Sou um felizardo. Desde muito novo acompanhei exemplos de carinho, respeito, diálogo dentro de minha casa, e também pude ver o quanto meu pai trabalhava, estudava (não me lembro dele sem, pelo menos, 2 ou 3 livros na cabeceira da cama) e valorizava o mérito. Vivi em um ambiente em que não se falava mal de pessoas, mas se discutia situações, tanto pessoais como profissionais e, principalmente, em como achar soluções para os problemas vividos.

Procuro trazer esses exemplos, tanto para minha vida pessoal, quanto para a minha profissional. Nem sempre é fácil. Meu pai dizia que para ser um bom profissional era necessário colocar a mão na massa e viver junto as dificuldades do dia a dia. Ele tinha razão.

O gestor que fica atrás da mesa do escritório, ditando regras ultrapassadas está fadado ao fracasso.

Agora, mais do que estar junto, é fundamental que se tenha integridade e ética. Quando assumimos um cargo de liderança qualquer, temos que demonstrar que seguimos certos conceitos como respeito as leis e ao ser humano que trabalha conosco, pois nossas atitudes terão um impacto muito maior do que qualquer discurso em uma reunião.

O time é capaz de perdoar um líder que tenha grandes objetivos, mas peque em incompetência, ignorância, insegurança ou até mesmo algumas manias, pois percebem que estas são pequenas falhas que podem ser corrigidas com tempo… mas uma liderança sem integridade e ética é difícil de engolir. Em um livro do Peter Drucker, ele diz “Trees die from the top” (árvores morrem por cima) e eu concordo. Neste mesmo texto, ele menciona que o espírito de uma organização é criado pelo topo, ou seja, pela alta gerência e diretoria. Se estes líderes pregam o lucro fácil, sem seguir as regras, eles terão funcionários que também irão fazer desvios pouco lícitos dentro da própria empresa.

Agora a nós, como profissionais, cabe a escolha de onde queremos estar. Aproveite este início de ano e avalie as pessoas que dirigem sua equipe e a empresa onde você trabalha e se pergunte se elas são, realmente, um exemplo a ser seguido.


Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s